Logo Checktudo

Checktudo - Blog

Antes de comprar é melhor consultar
Autotechs
10 de julho de 2019

Como escolher o carro ideal para sua frota?

Acompanhe dicas ideais para você que é empresário e deseja otimizar sua logística

Tratar da logística de uma empresa e, especificamente, do seu gerenciamento de frotas é um fator importante de gestão. Por meio de um uso inteligente de informações, sua empresa pode economizar consideravelmente. Por isso, é fundamental que você saiba identificar o momento mais oportuno para fazer a compra de novos automóveis, focando sempre na importância do crescimento de seus negócios e empreendimentos.

Pensando nisso, separamos 7 dicas importantes para que você possa levar em consideração, que dirão na ponta do lápis se está na hora ou não de realizar esse investimento:

Dica 1 – Foque sempre em planejamento!

Ao escolher o carro almejado para sua frota, entenda que é importante, antes de tudo, planejar sua compra. Além disso, você precisa entender as razões que o fazem acreditar que o modelo de veículo escolhido é mesmo adequado ao tipo de operação da sua empresa. Por isso, ao tratar do transporte dos produtos que sua empresa trabalha e do deslocamento de colaboradores e executivos é preciso escolher a solução que será melhor para seu negócio.

Uma boa análise de sua frota pode identificar possibilidades de redução de custos e eventuais oportunidades de melhoria na prestação de serviços. Por isso, coloque no papel as seguintes questões:

  • quais fatores são importantes ao escolher um carro para seu negócio;
  • qual ou quais modelos são mais adequados para as suas operações;
  • quantos anos os veículos durarão;
  • quais modelos geram menos despesas com manutenção;
  • qual o consumo por litro de cada modelo;
  • qual o custo de um seguro e suas comodidades em caso de sinistros.

Para esclarecer estas dúvidas, não confie apenas em sua experiência e intuição! Vá além, questione motoristas, descubra a procedência do veículo, faça uma consulta veicular… Coloque tudo numa planilha para que possa escolher com melhor propriedade os itens mais vantajosos para sua empresa!

Conheça também as principais restrições financeiras de veículos

Dica 2 – Pense na padronização como solução

A padronização da frota é um item essencial. Afinal, quanto menor a quantidade de modelos diferentes ela tiver, mais fácil será a sua gestão. Leve em consideração fatores como hierarquia, ou seja, diferencie os modelos dos vendedores e dos gestores de vendas, por exemplo. Assim, é possível ter uma frota padronizada, de forma que você tenha que lidar com modelos semelhantes, o que facilita a gestão da manutenção desses veículos. Hoje, os modelos simples mais buscados são o Chevrolet Cruze, o Volkswagen Gol e o Renault Clio. Porém, cada empresa deve escolher o tipo de veículo mais adequado para as suas operações e necessidades.

Dica 3 – O que levar em conta ao escolher um modelo de carro?

Em primeiro lugar, pense no que o carro irá operacionar. Depois, verifique sua relação custo-benefício. Para um valor global, pesquise na tabela Fipe os valores praticados no mercado atualmente, mas lembre-se de incluir nos custos de aquisição as despesas com despachante, IPVA, Taxa de licenciamento e DPVAT. Na consulta veicular Checktudo é possível consultar todas essas informações

Lembre-se que, sendo frotista, sempre é possível uma negociação mais atrativa de um automóvel de giro, com é o caso de um Hb20, por exemplo, do que fazendo uma compra como pessoa física. Outro critério importante é verificar se o veículo é forte o bastante e oferecerá o melhor desempenho para realizar o serviço para o qual será utilizado – do contrário, logo apresentará problemas de manutenção. Para avaliar o desempenho e a durabilidade de determinado modelo, é importante analisar o histórico de manutenções em atividade semelhante à qual os veículos serão usados.

Dica 4 – Atente para o ano do carro de fabricação

Muitas empresas acham que substituir os veículos usados de sua frota por outros novos implicaria num custo muito alto, porém, após dois ou três anos de uso, as taxas de depreciação e os custos de manutenção aumentam significativamente. Por isso, muitas empresas renovam suas frotas após esse período, apesar dos prejuízos que tiveram com a depreciação dos veículos, atentando para esses valores.

Ver também: Cuidados necessários com o contrato de compra e venda de veículos

Dica 5 –  Atente para o consumo de combustível

Um veículo novo, normalmente, consome menos combustível, em função de possuir uma tecnologia mais avançada ou pelo fato de não ter peças desgastadas, com filtros sujos e pneus desalinhados, como os veículos usados.

No site do Inmetro, você pode verificar o consumo dos veículos da mesma categoria e fazer uma comparação entre eles. Confira se existe algum modelo de veículo da mesma categoria que você procura e que tenha um consumo menor e possibilite reduzir as despesas. Lembre-se, também, de que o ar condicionado é um dos fatores para o maior gasto de combustível, pois o aumenta em 10%, em média, o consumo.

Dica 6 – Esteja atento aos custos de manutenção e revisão

Ao escolher um carro para frota, como por exemplo um Ford Focus, você deve atentar não apenas para o valor de compra, mas também para as despesas de manutenção que ele poderá lhe acarretar. Procure saber quanto cada modelo gasta, em média, com despesas de manutenção (seja preventiva ou corretiva), seguros, impostos, documentos, etc.

A maioria das montadoras divulga o custo das manutenções preventivas de seus veículos. Mas lembre-se de que, após o terceiro ano de vida, os veículos começam a apresentar problemas de manutenção. Além dos custos envolvidos com os reparos, o veículo também terá que ficar mais tempo na oficina, atrapalhando, assim, a produtividade da empresa.

Dica 7 – Negocie o melhor seguro

É preciso entender claramente se sua frota estará totalmente coberta ou se será preciso arcar com custos adicionais em alguns casos, sob a alegação de mau uso do veículo, quilometragem maior que a acertada, dentre outros critérios. Pesquise o valor do seguro antes de escolher o modelo de veículo e verifique atentamente quais benefícios estarão incluídos. Desse modo, além de fazer uma gestão eficiente de sua frota, você não perderá tempo nem dinheiro, além de poder focar na administração de sua empresa de maneira planejada e profissional. Lembre-se que ter mais de um veículo é uma carta na manga para negociar melhores condições de pagamento e também de benefícios, então use isto a seu favor!

Seguindo as recomendações acima, e fazendo uma consulta do veículo que adquirir, você estará preparado para escolher o carro para frota ideal com muito mais segurança, eficiência e economia.

Aproveite que chegou até aqui lendo este post e aproveite para compartilhá-lo em suas redes sociais e membros de sua empresa; certamente algum deles está justamente precisando ler um pouco mais a respeito destas dicas importantes e bastante úteis para gerir com maior representatividade e otimização a compra do carro ideal para sua frota.

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of