Logo Checktudo

Checktudo - Blog

Antes de comprar é melhor consultar
como fazer gestão de frotas
19 de novembro de 2019

Gestão de frotas: Como fazer o planejamento das manutenções preventivas

Quando falamos na gestão de frotas de veículos, nos deparamos com diversos desafios que o administrador precisa prever para fazer um planejamento adequado. Afinal, desde o treinamento de motoristas até as verificações mecânicas em si, existem diversas etapas.

Ao longo desse artigo você encontrará um guia com dicas de como montar o planejamento das manutenções preventivas para sua frota.

Leia também: Cuidados para vender veículos com segurança

Os primeiros passos da gestão de frotas

Antes de qualquer coisa, é necessário entender o que de fato é considerado uma forma de manutenção preventiva.

Quando falamos do gerenciamento de uma frota, qualquer veículo parado representa um prejuízo. Ou seja, é preciso se planejar para evitar que o carro fique num mecânico esperando uma peça ou um procedimento complexo para ficar pronto para o uso.

Via de regra, é possível diminuir os riscos e antecipar problemas com a manutenção preventiva, que nada mais é do que a realização de uma análise e implementação de medidas que visam diminuir ao máximo a probabilidade de falhas e prevenir prejuízos. É um processo que visa entender a rotina da empresa, identificar as falhas e efetuar as devidas correções.

Já um plano de manutenção preventiva é a forma concreta que esse processo será executado. Ou seja, é uma série de documentos que registram todas as atividades preventivas executadas na empresa, a frequência que elas deverão ser realizadas, a periodicidade de cada uma e a responsabilidade por essa prevenção. Devem estar presentes nesses documentos todas as informações necessárias para aplicação dessas medidas no dia-a-dia, de forma clara e intuitiva.

Como elaborar um plano de manutenção preventiva

Criar esse documento pode não ser uma tarefa fácil pois é necessário ter uma noção completa da empresa e de todos os mínimos detalhes. Mas, produzir um plano desse é essencial para a economia de gastos, ou seja, compensa todo o trabalho envolvido.

Antes de colocar a mão na massa, é necessário escolher um software para elaborar seu plano. Existem diversos softwares disponíveis na internet, gratuitos ou pagos, todos eles com ótimas possibilidades para atender as necessidades de sua frota. Outra possibilidade é fazer esse procedimento utilizando programas de planilhas como o Excel.

Com a ferramenta escolhida, o próximo passo é responder algumas informações básicas como as seguintes:

·         Quais os serviços realizados pela sua empresa;

·         Os prazos de execução e o tempo de realização;

·         Quem são os responsáveis por esses serviços? (É necessário citar além do nome, cargo e função o histórico do motorista);

·         Quais os recursos necessários para realização dos serviços? (Combustíveis, materiais, peças, entre outros);

·         Custo por unidade ou total de cada serviço;

·         Quais os veículos utilizados e seus principais dados (ano de fabricação, última revisão).

Obtenha facilmente dados dos veículos e de seus motoristas

Preencha o formulário da Checktudo (clique aqui para preencher) para saber mais sobre como consultar dados cadastrais de veículos e/ou emitir laudos personalizados.

Antes de mais nada, trata-se de um benefício tangível. A personalização de laudo veicular é uma maneira inteligente de estabelecer um link da sua empresa, com o agradecimento de seu cliente por tê-lo tirado de uma possível roubada.

É possível emitir laudos a partir de nossas consultas veiculares, inicialmente serão disponibilizados dois modelos de laudo, porem o cliente poderá criar quantos modelos quiser, atendendo a sua real necessidade.

Com esses dados da consulta CheckTudo em mente, é possível ter um parâmetro geral da frota e de como ela se comporta, para depois, determinar as medidas preventivas.

Quer emitir laudos veiculares personalizados? Leia mais aqui

Medidas preventivas

Não só de revisões vive um planejamento das manutenções preventivas. Na verdade, existe uma enorme gama de ações que influenciam positivamente para na prevenção de problemas maiores. Podemos citar como exemplo:

·         Capacitação de motoristas: Treinar seus colaboradores é uma forma extremamente eficiente de evitar multas, acidentes de trânsito ou mau uso dos veículos. Além de evitar quebras e gastos desnecessários, ainda é possível investir na economiza de combustível com esse tipo de treinamento.

·         Verificação mecânica: Sempre mantenha em dia as revisões da frota. Isso é a mínima ação que deverá ser realizada. Lembrando que também é possível treinar sua equipe para uma verificação mecânica primária, assim, eles identificarão de forma prévia que algo não está bem e poderão fazer o encaminhamento para um mecânico.

·         Documentação: Mantenha a documentação em dia. Isso é essencial para ter tranquilidade e evitar maiores “sustos” com multas ou até mesmo a apreensão do veículo.

Agora, que você já conhece a forma correta de montar seu planejamento de manutenção preventiva de frotas!

Então, mão na massa para fazer sua frota lucrar ainda mais! 

Ver também: Como a consulta veicular pode ajudar o seu negócio

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of